Festival da Cherovia 2021 será na sede da Banda da Covilhã e terá transmissão online

Ser uma ponte entre a edição online de 2020 e uma grande edição comemorativa dos 15 anos em 2022 é o que se propõe o Festival da Cherovia neste ano, além de voltar a trazer um pouco mais de história, cultura e gastronomia ao ao povo Covilhã. Ainda não será uma edição 100%, mas o simbolismo dos produtos de Cherovia estarão representados no auditório Júlio Cardona, na sede da Banda da Covilhã, onde também será montado o palco para as apresentações artísticas que compõe o cartaz do evento.

Pensado para funcionar em cinco eixos estruturais – gastronômico, cultural, científico, ambiente e saúde e educacional – o Festival da Cherovia já se apresenta como o maior evento desse gênero na cidade, sendo um grande propulsor de um produto nativo da Covilhã. “Temos uma região única, com terreno único, clima único que nos faz ter um produto dessa qualidade há mais de 200 anos”, destaca Eduardo Cavaco, responsável pela Organização.

Ainda dentro das atividades que decorrem a partir do Festival, está a Rota Gastronômica, que consiste na adesão dos restaurantes locais em disponibilizar um prato com Cherovia em seus cardápios por uma semana, já conta com 18 locais aderentes. Haverá ainda, durante a semana de realização do Festival, um dia em que as cantinas da Universidade da Beira Interior vão servir um prato com Cherovia para os alunos. Além disso, neste ano, o Festival traz a Cherovia a la carte, espaço onde três Chefes de Cozinha convidados estarão confeccionando diferentes pratos, ao vivo, no Centro Histórico da Covilhã.

O Festival, ainda vai contar com as tradicionais vendas do produto no Mercado Municipal da Covilhã, onde no sábado (25) a organização se fará presente com uma gama de produtos produzidos com Cherovia para potencializar as vendas deste tubérculo que tem uma produção continua por dez meses do ano e também terá uma ilha no Serra Shopping para relembrar as pessoas que por lá passarem sobre o Festival.

Apesar de Portugal ter avançado na vacinação, já tendo mais de 80% de sua população imunizada com as duas doses, Cavaco ressalta que o Festival precisa acontecer “de forma responsável, organizada e em segurança”. Por isso, a entrada do público para as apresentações culturais será limitada de acordo com as regras da DGS e, quem não conseguir estar de forma presencial na sede da Banda, vai poder acompanhar as transmissões de casa, pelo Facebook do Festival da Cherovia. A organização do evento fica a cargo da Banda da Covilhã, da Desertuna e da empresa Covilhã Eventos.

Programação completa:

23 de setembro: Chef à la carte e apresentação musical com a Desertuna*;

24 de setembro: Chef à la carte e apresentação musical com a C’a Tuna aos Saltos*;

25 de setembro: Chef à la carte e apresentação musical com o Quinteto de Sopro da Banda da Covilhã*;

26 de setembro: Rota da Cherovia, na Freguesia do Ferro, a partir das 9:30hs e Almoço** de Encerramento do Festival no Núcleo do Sporting, a partir das 13hs;

23 a 26 de setembro: Mercadinho do Festival e Cherovia à la Carte, no Largo aos fundos da Câmara Municipal;

20 a 26 de setembro: Rota Gastronômica “Cherovia no Prato” nos restaurantes aderentes;

* Sujeito a inscrição prévia, todas as apresentações artísticas também serão transmitidas online | ** Inscrição prévia necessária. Almoço no valor de 10 euros.

>>> Publicação atualizada em 22 de setembro.

Sobre brasileirosnacovilha 244 artigos
Blog de informações sobre a Covilhã e Portugal, especialmente para brasileiros que desejam informar-se sobre estudos, trabalhos e vida em terras lusas.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*