segunda-feira, 23 de julho de 2018

Mobilidade Sustentável: UBI inaugura projeto que empresta bicicletas à comunidade acadêmica

A Universidade da Beira Interior lançou, nessa segunda-feira com um passeio ciclístico, o UBike, um projeto de mobilidade sustentável de âmbito nacional coordenado pelo Instituto de Mobilidade e dos Transportes (IMT). A ideia central do programa é diminuir as emissões de gases poluentes e que causam o efeito estufa a partir do uso das bicicletas no meio acadêmico.

De acordo com José Páscoa, vice-reitor para as áreas de Investigação e Projetos, a ideia central é oferecer a comunidade Ubiana 100 bicicletas elétricas, que vão facilitar o transporte de alunos, docentes e funcionários entre os polos da Universidade e também suas residências. "As bicicletas tem uma autonomia de aproximadamente 60km, o que permite, nas condições da Covilhã, que bateria dure, pelo menos, até a metade da semana. E, ainda, os polos da UBI vão estar dotados de sistemas para carregamento para que os alunos carreguem suas bicicletas enquanto estiverem em aula", fundamentou Páscoa.

António Fidalgo, reitor da UBI
era um dos mais empolgados com a
iniciativa
Já o reitor da instituição, António Fidalgo, ao saudar aquele que ele chama de núcleo acadêmico mais vivo do interior de Portugal, disse estar muito satisfeito com a iniciativa e considerou uma excelente aposta da UBI ao salientar que o projeto a torna ainda mais atrativa. "Hoje mesmo fui à Universidade de bicicleta. Fui o primeiro a inscrever-me no projeto. É muito simples, cômodo e fácil de utilizá-la", saudou o reitor. 

O trajeto inicial de lançamento do projeto, percorreu algumas ruas da Covilhã com ponto de partida no histórico Arco do Polo I da UBI e terminou na Faculdade de Ciências da Saúde. O percurso foi percorrido em aproximadamente 10 minutos e todos os participantes saudaram a iniciativa e puderam atestar a facilidade de utilização do equipamento.

Quem também esteve no lançamento do projeto e cumpriu o percurso inicial, foi o presidente da Câmara da Covilhã, Vitor Pereira, que aproveitou para saudar o projeto e dizer que vê na UBI, apesar do subfinanciamento enfrentado pela instituição, uma academia cada vez mas forte e vibrante. O líder do executivo municipal aproveitou, ainda, para dizer que a cidade da Covilhã vai unir-se ao projeto do UBike a partir de outro programa, o Covilhã em Duas Rodas. Um projeto que vai construir 38km de ciclovias na cidade, com 21 estações em pontos estratégicos, como nos polos da UBI, hospital, escolas e Centro de Saúde, e que deve estar pronto até a primavera. 

A Universidade da Beira Interior foi a quarta instituição a receber as bicicletas nesse projeto de âmbito nacional. Antes da UBI, o IP de Bragança, o IP de Leiria e a Universidade de Évora já haviam recebido as suas. Na Universidade da Beira Interior, os alunos interessados devem fazer um pré-cadastro no site. A considerar que as pré-candidaturas já feitas até o momento ao UBike superam o número de bicicletas disponíveis, será feita uma seleção a partir de critérios como a quilometragem que esses utilizadores irão cumprir por dia. Para fazer uso do sistema, os candidatos selecionados deverão pagar uma caução de aproximadamente 100 euros, que inclui seguro e que será devolvida quando as bicicletas forem entregues. Os contemplados começarão a ser chamados nos primeiros dias de aula, em setembro.

Confira aqui, algumas fotos do passeio inaugural. Para mais informações, acesse o site da UBI

Nenhum comentário:

Postar um comentário