sexta-feira, 17 de junho de 2016

Covilhã recebeu o debate "Águas e Resíduos - Perspectivas de Futuro"

A Universidade da Beira Interior foi sede, na tarde desta sexta-feira (17), do debate "Águas e Resíduos - Perspectivas de Futuro". O debate, mediado pelo jornalista, António Perez Metelo está incluso na iniciativa “30 Anos, 10 debates”, que é um ciclo de uma dezena de debates que avalia o que mudou no país desde que Portugal passou a integrar a União Europeia, em 1986.


O evento foi aberto pelo reitor da UBI, Prof. António Fidalgo, que saudou a iniciativa e lembrou que, além dos 30 anos da entrada de Portugal na UE, neste ano, se celebra, também, os 30 anos da Universidade da Beira Interior. Na sequencia, falou Vítor Pereira, presidente da Câmara da Covilhã, que lembrou que o valor pago pelos utentes pelo serviço de água é incompatível e pediu solidariedade da Europa para resolver essa questão pois o peso da fatura de água traz um gasto excessivo para os moradores.

Antes do debate, em si, Margarida Marques, secretaria de estado dos Assuntos Europeus e que é uma das organizadoras do ciclo, lembrou os pontos positivos que a participação de Portugal na União Européia trouxe ao país, mas, sobretudo, o que Portugal, com esse ingresso, contribuiu para todos os outros estados-membros.

O debate, com duração de pouco mais de uma hora, foi aberto com a exibição de um vídeo e depois partiu para reflexões, ponderações e respostas do Ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, da eurodeputada Marisa Matias e do deputado da Assembleia da República Eurico Brilhante Dias acerca da temática central que denominou o evento.

Confira aqui, outras fotos do evento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário